Investigação

Curso do 1º ciclo de estudos do ensino superior, de cariz universitário, conferente do grau de licenciado, adequado ao Processo de Bolonha, constante no Despacho nº 13884/2016, publicado no Diário da República, 2ª série, nº 221, de 17 de novembro de 2016.

A Licenciatura em Teatro - tem como objectivo primordial aprofundar o domínio dos mecanismos inerentes à criação teatral, fundamentalmente no território da Interpretação. Durante o percurso formativo, de cariz universitário, e no âmbito dos projectos a desenvolver, o aluno tem oportunidade de contactar com as estruturas profissionais do campo teatral. Este ciclo de estudos propõe uma formação profissional interdisciplinar, numa perspectiva contemporânea. Devido ao carácter alargado do seu plano de estudos é favorecida a multiplicidade de saídas profissionais em conformidade com as aprendizagens adquiridas.


CEAA | Centro de Estudos Arnaldo Araújo

CEAA | Centro de Estudos Arnaldo Araújo

Maria Helena Maia

O Centro de Estudos Arnaldo Araújo (CEAA) da Escola Superior Artística do Porto é uma unidade de investigação reconhecida pela FCT (uID 4041) que desenvolve investigação na área de Estudos Artísticos, concretamente nos territórios da Teoria, da Crítica e da História. 

Actualmente o CEAA organiza-se em três grupos de investigação e uma linha transversal,

Grupos de investigação:

G1 | Grupo de Estudos de Arquitectura 
G2 | Grupo de Estudos de Cinema 
G3 | Grupo de Arte e Estudos Críticos

Linha de investigação: Lugar Comum

 

O Grupo de Estudos de Arquitetura é dirigido por Maria Helena Maia e realiza investigação em três grandes áreas temáticas, la última das quais ligada ao teatro:

1. Arquitectura, Território e Paisagem 

2. Relações Foretes

3. Arquiteturas Dramáticas

 

CEAA | Centro de Estudos Arnaldo Araújo

DTC | Departamento de Teatro e Cinema

DTC | Departamento de Teatro e Cinema

Marta Freitas

O Departamento de Teatro e Cinema – DTC é uma estrutura académica de coordenação das áreas científicas de Teatro e Cinema, e respetivas unidades curriculares, promovendo a articulação entre os dois cursos.

Uma das competências do DTC é fomentar a investigação através do desenvolvimento de projectos individuais, ou em grupo, cuja investigação incida sobre Teatro, Cinema, ou sobre o cruzamento artístico entre estas duas áreas, ou áreas adjacentes. Estes projetos visam igualmente estimular a investigação junto dos alunos da ESAP.

O Departamento publica uma revista com revisão por pares e em opan access: Persona - Revista do Departamento de Teatro e Cinema da ESAP

SATH | Secção Autónoma de Teoria e História

SATH | Secção Autónoma de Teoria e História

Alexandra Trevisan

A Secção Autónoma de Teria e História é uma estrutura académica de coordenação das áreas científicas de Teoria e Crítica de Arte, Teoria e Crítica de Arquitetura, Teoria e Crítica de Teatro, História da Arte, História da Arquitetura e Ciências Sociais e das respectivas unidades curriculares, que desenvolve uma articulação científico-pedagógica próxima com os cursos que a integram.

Entre outras competências, cabe à SATH organizar e desenvolver a investigação nas suas áreas científicas, fomentando grupos e projectos de investigação, para além da investigação a título individual, bem como apoiar as actividades e iniciativas do corpo docente e de investigadores no campo da investigação.

Atualmente, a SATH partilha com os restantes Departamentos da ESAP, uma política de investigação que passa por dois tipos de acções:

1. O incentivo à constituição de equipas de investigação lideradas por docentes da SATH, através do financiamento de projectos coletivos de investigação, de curta duração, isto é de Projetos ESAP.

2. A sensibilização dos alunos para a investigação, através da oferta de Estágios Creditados de Investigação (ECI) realizados no âmbito dos projectos em curso.

Em 2015 decorrem três projetos de investigação na SATH, um dos quais relacionados com a Licenciatura em Teatro:

Arquiteturas Dramáticas 2015 (ESAP/2015/P24/SATH). Investigador Responsável: Jorge Palinhos