Previous Next

MIFEC | Prémio Aurélio da Paz dos Reis 2018 (Nacional)

Auditório da ESAP 22 de Maio | 17h30m

Decorrerá no próximo dia 22 de Maio, Terça-feira, às 17h30m, a sessão de abertura da 15.ª edição da MIFEC - Mostra Internacional de Filmes de Escolas de Cinema. Nesta sessão será entregue o Prémio Aurélio da Paz dos Reis Nacional ao Realizador Manuel Mozos e exibido o seu mais recente filme “Ramiro”.

 

Manuel Mozos, nasceu em Lisboa em 1959. Terminou o curso de Cinema em 1984, no Antigo Conservatório Nacional (atual Escola Superior de Teatro e Cinema). Trabalhou como montador, argumentista e assistente de realização com inúmeros realizadores portugueses.

 

Colabora assiduamente com publicações, escolas, institutos, universidades, associações culturais e de cinema, cineclubes e festivais. Desde 2002 trabalha no A.N.I.M.- Cinemateca Portuguesa, na área de identificação, preservação e restauro de cópias em película.

 

Como realizador, fez o seu primeiro filme, UM PASSO, OUTRO PASSO E DEPOIS... (1989), Vencedor do prémio de Melhor Filme Estrangeiro em Entrevues - Festival Internacional de Cinema de Belfort, em 1990. Desde então, realizou mais de vinte filmes, entre ficção e documentário, curtas e longas-metragens, entre os quais se destacam as longas-metragens: QUANDO TROVEJA (1999), XAVIER (1991/2002) e 4 COPAS (2008), bem como os documentários, LISBOA NO CINEMA (1994), CINEMA PORTUGUÊS [...]? - DIÁLOGOS COM JOÃO BÉNARD DA COSTA (1996), RUÍNAS (2009), que recebeu vários prémios em festivais de cinema como FID Marseille e IndieLisboa e JOÃO BÉNARD DA COSTA - OUTROS AMARÃO AS COISAS QUE EU AMEI (2014).

E a curta-metragem, A GLÓRIA DE FAZER CINEMA EM PORTUGAL (2015).

O seu mais recente filme é a longa-metragem, RAMIRO (2017).